Janeiro 26, 2023

Seis tendências na comunicações com os hóspedes que os hoteleiros devem considerar em 2023

O número de soluções tecnológicas especializadas na hotelaria, em particular as relacionadas com a comunicação com hóspedes, continua a expandir-se no mercado. Mas que serviços são susceptíveis de se tornar um padrão? E que tipo de benefícios podem trazer ao seu negócio?

As inúmeras opções disponíveis pode tornar avassalador e esvaziar de entusiasmo um processo que deveria ser empolgante. Afinal de contas, trata-se de trazer tecnologia de ponta aos hotéis, beneficiando tanto os hóspedes como todo o staff.

Para ajudar os hoteleiros a navegar nas múltiplas opções disponíveis, recolhemos dados de relatórios de referência para a indústria hoteleira, adicionando as nossas próprias percepções, com o intuito de traçar as tendências na comunicação com os hóspedes.

Com a expectativa de ajudar os decisores da indústria hoteleira no momento de escolher as suas soluções digitais, neste artigo exploramos seis grandes tendências actuais e emergentes neste âmbito:

Further digitalisation of communication seis tendências na comunicações com os hóspedes que os hoteleiros devem considerar em 2023

O próximo nível da digitalização da comunicação: Self-service através de tecnologias de automatização e sem contacto

Cada vez mais passamos as nossas vidas online, e a digitalização de muitos dos nossos processos quotidianos transformou a utilização destas tecnologias quase que numa extensão de nós próprios. A oferta de serviços digitais dentro da indústria hoteleira traz vários benefícios que os hóspedes irão, sem dúvida, apreciar.

É de esperar que esta tendência esteja no radar de todos, pois “adotar soluções tecnológicas e digitais inovadoras para melhorar as operações diárias (…)” é uma das principais recomendações feitas pelo World Travel & Tourism Council e pela European Travel Commission (2022), no sentido de ajudar os governos e o sector privado a resolver a escassez de 1.2 milhões de profissionais no sector.

Automatização: resolver a escassez de staff

Ao oferecer aos hóspedes a capacidade de comunicar com o hotel durante a sua estadia através de aplicações ou outros canais digitais, está a aumentar a conveniência e a reduzir a carga de trabalho do seu staff.

As filas serão mais curtas e os níveis de satisfação serão mais elevados, tanto para aqueles que optam pelos serviços digitais, como para aqueles que ainda preferem utilizar métodos mais tradicionais de comunicação, como o falar com alguém diretamente para fazer as suas reservas.

O relatório Oracle (2022) também revelou que 36% dos hóspedes de hotel preferem um serviço digital totalmente sem contacto, com staff disponível apenas a pedido. Funciona nos dois sentidos, uma vez que o staff terá menos clientes com que lidar, e assim poderão dar toda a sua atenção àqueles que precisam de atenção presencial. O nível de serviço será melhorado na medida em que todos têm a possibilidade de contactar o seu staff da forma que preferirem.

Estas novas tecnologias digitais permitem uma maior automatização não só das comunicações, mas também das tarefas, permitindo que os hóspedes se sirvam a si próprios. Ao automatizar processos regulares e permitir que os hóspedes completem facilmente os seus procedimentos, tais como fazer, alterar e cancelar reservas, assim como fazer o check-in e o check-out, está a libertar o staff para se destacar noutras áreas.

Pode, então, concentrar-se em acrescentar aquele toque humano exatamente onde ele é necessário ao invés de perder tempo em tarefas monótonas e exaustivas que, atualmente, com o sistema certo implementado, podem ser facilmente automatizadas.

Sem contacto: poupança de tempo e conveniência

Quer se trate de uma visita de negócios ou de lazer, as viagens podem ser cansativas e nem sempre correm como planeadas. Ao oferecer um check-in rápido e fácil através de canais digitais, está a diminuir a fila para preencher formulários demorados.

Ao implementar as chaves de porta digitais, os hóspedes podem até dirigir-se diretamente aos seus quartos e desbloquear as portas com uma simples aplicação de telemóvel. É a solução perfeita para viajantes ocupados, com a mais-valia de não ser necessário nenhum contacto presencial.

Um inquérito da Oracle (2022) observou que, desde a pandemia, 65% das pessoas preferem hotéis que utilizam a tecnologia ao dispor para limitar a interação necessária com o staff do hotel. Estas soluções digitais sem contacto podem facilitar a vida aos seus hóspedes, com a oportunidade de solicitar serviços de quarto através de um chatbot ou reservar um tratamento de spa online. Isto, por sua vez, tem a vantagem de aumentar as receitas para o seu negócio.

Ao adotar processos simples, aumentará a probabilidade de os seus hóspedes solicitar aos seus serviços.

Com serviços contactless prontamente disponíveis, no caso de ser necessário introduzir medidas de distanciamento social repentinas, poderá adaptar rapidamente os seus processos para cumprir quaisquer regras e regulamentos que possam ser anunciados e garantir a segurança de todos os seus hóspedes. Procedimentos estes que podem ser postos em prática rapidamente, de forma simples, e sem custos adicionais porque já tem o sistema implementado e pronto a funcionar.

Este sistema é escalável para qualquer potencial aumento de tráfego devido ao aumento da procura de serviço sem contacto.

Personalisation and tailored communication seis tendências na comunicações com os hóspedes que os hoteleiros devem considerar em 2023

Personalização e comunicação feita à medida: A importância de comunicar através dos canais preferidos dos hóspedes

A personalização tem sido uma tendência crescente ao longo dos últimos anos, prevendo-se que o mesmo se verifique em 2023. No Digital Transformation Report, publicado pela Skift (2022), a prestação de serviços personalizados e o envio de mensagens são reconhecidos como as principais estratégias para aumentar a eficácia do marketing e da publicidade.

A personalização está diretamente ligada a uma maior satisfação dos hóspedes. Recolher dados de forma eficaz permite, posteriormente, personalizar o serviço que cada hóspede recebe de modo a melhor corresponder às necessidades e preferências individuais.

Desde a simples utilização do nome do hóspede na correspondência, até identificar as ofertas mais adequadas à sua faixa etária, há muitas formas de acrescentar elementos personalizados aos seus processos.

Ao tomar decisões baseadas em dados, tais como oferecer “refeições gratuitas para crianças” apenas às famílias com filhos, estará a direcionar as suas ofertas especiais para onde têm mais probabilidades de sucesso e, assim, não estará a sobrecarregar os hóspedes com ofertas menos relevantes.

Oportunidades ao longo de toda a jornada do hóspede

Poderá oferecer uma personalização mais precisa recolhendo os dados corretos e utilizando inteligência artificial para os processar eficazmente, dando-lhes assim a melhor utilização possível.

A jornada do hóspede traz várias oportunidades de recolha dados para os processos de personalização e para o fornecimento de comunicações customizadas, tais como o upselling e os serviços extra que o algoritmo decidir serem mais suscetíveis de resultar em conversão.

Da pré-reserva à pós-estadia, cada parte da jornada do hóspede deve ser abordada com vista a oferecer oportunidades de personalização. Ao utilizar os canais de comunicação preferidos dos hóspedes, é mais provável que a comunicação seja mais eficaz e os encoraje, por exemplo, a reservar alguns extras antes da sua estadia, a escrever uma review positiva, ou a preencher o inquérito de satisfação após a estadia.

O objetivo final da personalização é fazer com que o hóspede se sinta especial e único, como se o serviço fosse feito à sua medida. Referimo-nos a acrescentar um toque pessoal, que é o que fazemos quando personalizamos serviços hoteleiros.

Ao utilizar o canal de comunicação preferencial dos hóspedes estará a permitir que os seus clientes o contactem como o fariam com um amigo ou familiar. Por exemplo, se o seu hóspede preferir utilizar o WhatsApp para as suas comunicações, o seu sistema poderia fazer a ligação automática da reserva através de uma conversa WhatsApp, ficando diretamente gravada no sistema de gestão hoteleira.

Aqui, os hóspedes podem fazer perguntas ou fazer reservas para o jantar ou spa sem ter de fazer uma chamada telefónica ou dirigir-se receção. Naturalmente, esta é também uma forma fantástica de distribuir mensagens de upselling e solicitar feedback.

A mensagem certa no canal certo

A chave para a personalização é a perceção de que todos fazem as coisas de forma diferente e têm necessidades e preferências individuais.

Atualmente, com tantos avanços tecnológicos, não precisamos de nos preocupar em encontrar a melhor opção que sirva à maioria das pessoas. Podemos utilizar a tecnologia ao nosso dispor para prestar um serviço personalizado a cada hóspede, demonstrando que as suas preferências são tidas em conta de várias formas.

Desde identificar antecipadamente as preferências de quarto dos hóspedes regulares até identificar os seus métodos de comunicação de eleição, utilizando-os durante toda a sua estadia, são pequenos grandes detalhes que permitirão oferecer um serviço feito à medida, com um elevado nível de atenção aos detalhes, o que transformará a experiência do seu cliente.Já sabemos que cada hóspede é único, mas agora temos a tecnologia para descobrir os desejos e necessidades de cada hóspede e integrar estes dados no serviço que prestamos. As técnicas de personalização permitem-nos oferecer um serviço superior que satisfaz os desejos dos seus hóspedes, mas também coloca oportunidades de interesse ao dispor de cada hóspede, impulsionando as vendas de serviços complementares, tais como tratamentos de spa, upgrade de quartos e jantares no hotel, que podem acrescentar um valor significativo à conta final, aumentando, assim, os seus lucros. Em resumo: se souber o que os seus hóspedes querem, saberá o que oferecer e saberá como adaptar essas ofertas e serviços para que sejam notados e não corram o risco de ser perder no ruído de uma multidão de anúncios e ofertas.

Conversational artificial intelligence cover seis tendências na comunicações com os hóspedes que os hoteleiros devem considerar em 2023

Inteligência Artificial Conversacional: A reinventar a comunicação com os hóspedes

Os chatbots tradicionais já estão a ser utilizados na indústria hoteleira há algum tempo, mas agora entramos na era da IA conversacional, que veio revolucionar a comunicação com os hóspedes. Ao utilizar tecnologias avançadas da Inteligência Artificial (IA) e a aprendizagem de máquinas, estamos a tirar o máximo partido de poderosas ferramentas, capazes de lidar com muitas questões e serviços dos hóspedes, através de uma comunicação amigável, eficiente e intuitiva. De acordo com o estudo da Oracle sobre hábitos e atitudes dos hóspedes (2022), 67% estão interessados em hotéis que utilizam a IA para fornecer serviços mais relevantes. Por outras palavras, a maioria dos hóspedes já abraçou esta tecnologia avançada.

Ajude o seu staff enquanto serve os seus hóspedes

Com a atual escassez de pessoal a ser um problema em todo o setor (European Travel Commission, 2022), apoiar as suas equipas de reserva e de receção com tecnologia inteligente, alivia a pressão durante as horas de trabalho e reduz a carga de trabalho das operações do dia-a-dia. Acrescenta também uma camada extra de proteção contra qualquer escassez futura inesperada. Nenhum hóspede quer estar em filas longas, e nenhum dos membros do seu staff quer trabalhar sob pressão. A HiJiffy sabe que os hotéis que utilizam IA conversacional especializada para a indústria hoteleira, relatam níveis de automatização bem-sucedidos, em média, em mais de 80% das consultas recebidas. O sistema pode também direcionar a pessoa para um operador humano para uma minoria das chamadas que não podem ser atendidas pelo sistema automatizado. Isto significa que os membros do staff só trabalham em chamadas quando a sua perícia e conhecimentos especializados são necessários. A maior parte das consultas recebidas são tratadas de forma rápida, eficiente e totalmente satisfatória pela IA, sem ser necessária qualquer intervenção.

Tecnologia superior que evolui com cada conversa

As soluções de IA conversacional mais avançadas em hotelaria têm a capacidade de autoaprendizagem, melhorando constantemente a sua eficiência e precisão com o tempo. Os chatbots alimentados por IA são capazes de conversar com os hóspedes, registar qualquer informação dada e aceder a bases de dados para oferecer um serviço fiável e personalizado. As melhores soluções integram-se perfeitamente com outros sistemas de gestão hoteleira, agilizando os processos de reserva, confirmação, alteração ou cancelamento. Toda a informação é transmitida como uma conversa real que flui como se estivesse a falar com um agente humano. O sistema é intuitivo e inteligente, e a comunicação sente-se como natural. O utilizador apenas tem de expressar o seu pedido, consulta, ou preocupação e o chatbot responde em conformidade, sem necessidade de recorrer àqueles menus longos e frustrantes utilizados por soluções de chatbot menos avançadas.

Principais benefícios e muito mais

A IA conversacional é também incrivelmente eficaz a recolher os dados de que necessita. Mesmo os funcionários mais experientes podem achar difícil fazer as perguntas certas para recolher dados de alta qualidade, mas a IA está programada para identificar e filtrar esses dados. Além disso, com todas as conversas gravadas e pesquisáveis, os dados podem ser facilmente analisados para descobrir padrões, destacar palavras-chave e extrair informação essencial, tal como o volume e o tema das consultas recebidas.

Ao considerar a implementação de uma solução de comunicação inteligente e conversacional para hóspedes, procure uma que possa responder com sucesso a consultas em várias línguas. Muito poucos hotéis terão um staff multilíngue à disposição 24 horas por dia, 7 dias por semana, caso haja uma chamada do estrangeiro, mas com um sistema de IA conversacional disponível para lidar com as consultas dos clientes, tudo isto é tratado automaticamente.Procure um sistema de comunicação com hóspedes alimentado por IA que se integre com todas as redes sociais e plataformas de mensagens. Isto poderia permitir à sua empresa oferecer opções de comunicação que não conseguiam fornecer no passado, e, além disso, a rapidez de resposta será instantânea. Não há necessidade de um utilizador esperar que um operador ou que o staff encontre tempo na sua agenda ocupada para responder a uma consulta de mensagem de texto. Esta rapidez de serviço e versatilidade das opções de comunicação pode realmente fazer a diferença quando um potencial hóspede está a considerar as suas opções de estadia.

Navigating communications with sentiment analysis cover seis tendências na comunicações com os hóspedes que os hoteleiros devem considerar em 2023

Comunicação com análise de sentimento: Ajuda inestimável para ajudar a priorizar as mensagens recebidas

A Inteligência Artificial e a aprendizagem de máquinas são cada vez mais procuradas dentro da indústria hoteleira, e têm sido implementadas para ajudar a responder às dúvidas dos hóspedes e automatizar processos. Mas os sistemas mais avançados vão mais além e oferecem uma solução que é capaz de reconhecer a emoção ou sentimento por trás da comunicação do hóspede. É talvez um dos aspetos mais subtis, mas vitais da hotelaria que pode ter um impacto significativo na satisfação do cliente, sempre que estas observações sejam bem aproveitadas. A Skift (2022) relata que os hoteleiros já reconhecem a análise de sentimento como a aplicação mais prática da IA e da aprendizagem de máquinas, ainda mais do que a personalização de ofertas ou a automatização dos processos de atendimento ao cliente.

Identifique onde o tempo de resposta é crítico

A maioria dos hotéis costuma receber um grande volume de e-mails na sua caixa de entrada, e nem sempre fica patente, no campo do assunto, o tema da consulta. Não responder a uma pergunta urgente pode levar um potencial hóspede a decidir reservar noutro lugar. Mas, então, como detetar essa pergunta urgente, entre uma infinidade de e-mails? É aqui que entra a análise de sentimento, que processa a linguagem da comunicação para identificar o sentimento ou emoção patentes na mensagem. Pode optar por destacar as consultas mais urgentes, permitindo ao staff ordenar as mensagens por importância. Desta forma, poderá dar resposta às queixas de forma rápida e corrigir os problemas. Este processo torna simples a definição de prioridades e assegura que as questões mais urgentes sejam tratadas em primeiro lugar. 

Meça o pulso aos seus hóspedes em todos os canais

Isto é apenas o começo. A análise de sentimento não tem de se limitar aos seus sistemas internos ou aos seus e-mails. Pode ser implementado através de muitos canais, entre os quais as redes sociais. Ao utilizar a análise de sentimento para estar atento ao sentimento transmitido nos seus perfis pelas redes sociais, permite-lhe identificar qualquer opinião que esteja a ser divulgada sobre o seu negócio. Saberá se o restaurante do hotel está a receber excelentes críticas, e se for publicado um comentário negativo, saberá de imediato e poderá resolver o problema e mostrar ao mundo que o seu hotel é rápido a reagir e a corrigir o que for necessário. Quando tiver a informação sobre os aspetos do seu hotel que os hóspedes adoram, mas também sobre os aspetos menos preferidos, terá a oportunidade de fazer alterações e melhorias de forma incisiva. Pode reagir rapidamente aos comentários, comunicar com o público e mostrar um excelente serviço ao cliente. Com boas ferramentas de análise de sentimento, pode eliminar horas de leitura de folhas de cálculo e obter a sua informação em tempo real, para que possa responder quando de imediato, e não horas ou dias após o incidente.

Streamlining all communication channels cover seis tendências na comunicações com os hóspedes que os hoteleiros devem considerar em 2023

Agilização de todos os canais de comunicação: Uma caixa de entrada deveria ser mais do que suficiente

O Digital Transformation Report (2022) da Skift, a maior plataforma de informação da indústria de viagens, declarou que a agilização dos canais de comunicação era a principal estratégia digital para iniciativas de serviço ao cliente. O número de meios de comunicação continua a crescer e manter um registo de tudo isto pode parecer uma tarefa impossível. Algumas empresas decidem restringir os métodos de comunicação que utilizam para oferecer um bom serviço através de algumas plataformas. No entanto, ao fazerem isto, estão a falhar. Se apenas se preocupa em garantir que a sua página no Facebook está ativa e atrativa, poderá estar a falhar àquela pessoa que está a contactar através do Twitter, ou àquela pessoa que procurou a sua conta de Instagram e não encontrou, levando-a a duvidar da legitimidade do seu negócio.

Uma caixa de entrada, omnicanal, para centralizar toda a comunicação

Provavelmente já concluiu que é essencial chegar aos seus hóspedes e potenciais hóspedes através do maior número possível de plataformas, mas isto acarreta um desafio significativo – cada uma das plataformas precisa de ser gerida individualmente e o volume de mensagens recebidas continua a crescer. Esta tarefa pode rapidamente tornar-se avassaladora, a menos que tenha uma força de trabalho ilimitada e fundos infinitos. Felizmente, a tecnologia trouxe-nos os instrumentos para agilizar e centralizar o acesso a todos os nossos canais de comunicação e redes sociais.

É uma ferramenta inestimável para garantir que está a par de tudo o que se passa em todas as plataformas. As mensagens individuais podem ser assinaladas para assegurar que as conversações são seguidas até à sua resolução. Não terá de confiar na sua memória, ou nas suas próprias notas, para dar seguimento a um assunto. Terá também à sua disposição muitas funcionalidades que lhe pouparão tempo, tais como poder responder diretamente a partir da interface, em vez de ter de entrar e sair das respetivas contas, e, ainda, terá a possibilidade de escolher a partir de uma gama personalizada de respostas pré-preenchidas para responder às consultas comuns.

Muitas vezes, há de ser outra pessoa, que não aquela que trata da comunicação, a resolver a questão. Um sistema centralizado facilita a transmissão de tarefas individuais a outros membros do staff, para que seja sempre a pessoa certa a lidar rapidamente com a consulta.

Análise de dados mais completa

A recolha de mensagens de todos os seus canais de comunicação num único local permite-lhe visualizar interações e mensagens num relance, independentemente da sua origem. Lidar com as suas comunicações pode ser ainda mais fácil com ferramentas integradas úteis, tais como a tradução automática e o estabelecimento de prioridades utilizando a análise de sentimento alimentada por IA. Com todos os seus dados num só local, poderá também tirar partido dos valiosos conhecimentos, relatórios e métricas gerados após a análise de todos estes dados combinados. Assim, torna-se fácil responder a perguntas como: quais as plataformas mais frequentemente utilizadas para contactar o seu hotel, ou qual o tempo médio de resposta às consultas, e muito mais.

Voicebots and interactive conversational voice response systemss cover seis tendências na comunicações com os hóspedes que os hoteleiros devem considerar em 2023

Voicebots e Sistemas de Resposta de Voz Interativa Conversacional: Deixe que a Inteligência Artificial por si

O quinto estudo da HOTREC Hotel (2022) mostrou que as reservas diretas com os hotéis estão a aumentar. Com mais hóspedes a optarem por reservar diretamente com os hotéis, é ainda mais vital oferecer um excelente serviço de resposta em todos os seus canais de comunicação, incluindo por telefone e através de mensagens de voz em redes sociais e aplicações de mensagens. As mensagens de voz têm ganho popularidade, com cerca de 7 mil milhões de mensagens de voz enviadas diariamente no WhatsApp, segundo a TechCrunch (2022). Pode ser que um hóspede acabe por fazer uma reserva online, mas se tiver uma pergunta específica sobre as instalações ou a localização, ou outro pedido, pode preferir fazer essa simples consulta por telefone ou por mensagem de voz.

Esquecer os menus e ir direto ao assunto

Se um potencial hóspede ouvir o sinal de ocupado porque está noutra chamada, ou, pior, se a chamada não for atendida porque todos os membros do seu staff estão ocupados noutro local, poderá perder um hóspede. Da mesma forma, as mensagens de voz não respondidas em plataformas de comunicação podem acumular-se rapidamente, pois colocar alguém do staff a ouvir e a tomar nota dos detalhes pode ser demorado. Talvez até já tenha um sistema de voz automatizado com menus implementado. Mas tal sistema pode rapidamente tornar-se ineficaz quando o utilizador é forçado a ouvir opções que são irrelevantes para a sua consulta. Muitas pessoas simplesmente desligam quando são saudadas por um menu automatizado

A solução chave é utilizar eficazmente os voicebots de tecnologia de ponta que utilizam IA para uma resposta de voz interativa avançada. Ao introduzir uma linguagem mais natural e uma compreensão mais profunda das respostas de voz, os hóspedes poderão obter, muito rapidamente, a resposta às suas perguntas, ou ser automaticamente redirecionados para o departamento mais indicado, sem terem de ouvir uma série de opções de menu. Muitas perguntas simples, tais como os horários de abertura do restaurante ou ser transferido para o spa para reservar um tratamento, podem ser todas resolvidas sem ocupar o tempo do staff da receção. Isto liberta o staff da receção para responder às questões mais complexas e lidar com os hóspedes que lá se encontram pessoalmente. Trata-se de algo de valor inestimável em alturas de muito movimento e permite que mais hóspedes recebam um serviço de excelência, em simultâneo.

Quando menos é mais

Este tipo de contacto self-service é uma opção realista que pode responder à grande maioria das consultas dos hóspedes e interagir com os sistemas backend, de modo a acederem aos serviços sem terem de passar por um operador humano. Dar aos interlocutores a capacidade de completar transações simples, tais como fazer reservas, alterar datas, ou fazer reservas para jantares, retira a pressão do staff que atende as chamadas. Porquê aumentar a carga de trabalho do seu staff para lidar com estes pedidos, quando um sistema automatizado o fará igualmente bem? Além disso, ao implementar um sistema de IA para cuidar destes processos, está a eliminar erros humanos e a adquirir uma capacidade de rastreabilidade total caso seja necessário rever alguma questão.Estamos numa era em que podemos pôr de lado os nossos preconceitos relativamente aos voicebots. O mundo tecnológico transformou aquilo que, em tempos, foi uma fonte de frustração que oferecia apenas uma utilidade mínima, como redirecionar as chamadas para diferentes departamentos ou fornecer a informação mais básica, num voicebot totalmente interativo que compreende as nuances da linguagem e do tom de voz, proporcionando o acesso a uma vasta gama de serviços. Para os hóspedes, significa rapidez e acessibilidade, sem o mínimo stress. Para as empresas hoteleiras, é uma poupança considerável de tempo e dinheiro, com a vantagem de incorporar capacidades analíticas valiosíssimas.

Resumo

Com base nos dados e estudos realizados no âmbito da indústria hoteleira, bem como nos nossos próprios conhecimentos, esperamos que estas tendências na comunicação com os hóspedes se tornem mais proeminentes à medida que avançamos para 2023 e mais além. Como com todas as novas tecnologias, os primeiros a aderir terão a vantagem competitiva, por isso, recomenda-se que se mantenha atento ao desenvolvimento de plataformas que possam beneficiar o seu negócio nesta era digital. Ao compreender as tendências, ao manter a mente aberta, com consciência daquilo que será mais útil para o seu negócio na hotelaria, irá garantir um lugar à frente da concorrência e poderá oferecer aos seus hóspedes um nível de serviço superior. São tempos emocionantes, estes em que a Inteligência Artificial e os processos de aprendizagem de máquinas deixam de ser uma novidade para passarem a ser uma ferramenta incrivelmente útil, com muitos propósitos valiosos no mundo real, e dos quais a indústria da hotelaria pode certamente beneficiar. Aguardamos, com expectativa, esses avanços e inovações em 2023, que irão transformar ainda mais a nossa indústria nos anos vindouros.


No HiJiffy, a nossa missão é ligar melhor os hotéis aos seus hóspedes através do desenvolvimento da IA de conversação mais avançada para a hotelaria. Isto significa que não só seguimos e respondemos às tendências das comunicações dos hóspedes, mas também contribuímos para moldar o panorama tecnológico da hotelaria, inovando as nossas soluções e reimaginando as comunicações dos hóspedes com os hoteleiros.


Fontes

Quer receber insights exclusivos sobre Gestão Hoteleira?

Junte-se à nossa lista e aceda aos melhores artigos todos os meses.

Newsletter